RTS e FPS

Hoje chegaram mais dois games aqui em casa, ambos para PC. Um deles é o StarCraft II, jogue que confesso não estava com muita expectativa por não ter jogado o primeiro, mas como sempre gostei de jogos de estratégia de tempo real e por ouvir tantos elogios a criação da Blizzard, passei a olhar com mais carinho para ele.

Contudo, o que me motivou mesmo a fazer a aquisição foi o seu valor, R$ 49. No início estava meio reticente em relação a versão só funcionar por seis meses, mas após saber que eu poderia pagar a diferença em relação a edição padrão e tê-lo indefinidamente, resolvi arriscar. Na pior das hipóteses eu não perderei tanto caso não goste do game.

Read more about RTS e FPS

Em má companhia

É muito provável que você já tenha ouvido alguém dizer que os jogos de tiro em primeira pessoa são tudo a mesma coisa e que o gênero carece de criatividade. Embora boa parte dos FPSs ajudem a fortalecer esse pensamento, que na minha opinião é exagerado, não há como negar que existam muitos bons jogos nesses estilo e há alguns dias eu redescobri um, o Battlefield: Bad Company.

Redescobri porque eu já havia jogado duas fases do game no Playstation 3 e embora tivesse gostado do que vi, não consegui me adaptar a jogabilidade no controle do videogame e acabei o trocando. Como sempre gostei mais do joystick do Xbox 360 para esse tipo de jogo, resolvi comprá-lo e perto de chegar ao final da campanha singleplayer, posso dizer que se trata de um ótimo game.

Read more about Em má companhia

Jogos para todos os gostos

Ontem recebi mais alguns jogos que havia comprado e nesse pedido resolvi investir em títulos mais antigos e que há muito tempo vinha namorando. Como você perceberá, no pacote há títulos para todos os gostos e de quatro plataformas diferentes.

Uma das minha primeiras escolhas foram os títulos para Wii A Boy and his Blob e MadWorld. Enquanto o primeiro sempre me cativou por seus cenários coloridos e jogabilidade diferente, onde devemos alimentar uma simpática criatura com balas para transformá-la em objetos diferentes, o segundo quebra alguns paradigmas por mostrar gráficos preto e branco e muita violência. Jogos com propostas diferentes mas com forte apelo à parte artística.

Read more about Jogos para todos os gostos

Here comes a new challenger!

A primeira lembrança que tenho dos videogames é de passar tardes intermináveis com o meu pai, quando ainda nem sabia escrever, em frente a televisão vendo quem conseguia chegar mais longe no River Raid ou no Enduro. Adorava aqueles momentos, mas infelizmente ele faleceu quando eu ainda era bem jovem e não pude compartilhar com ele muitas outras alegrias, como a de hoje.

Há pouco tive a confirmação de que minha esposa está grávida e em breve poderei realizar o maior sonho da minha vida. Poderei passar com meu filho por situações que não tive tempo de passar com meu pai, inclusive outras tardes como aquelas lá da década de 80, quando não tinha preocupações e o tempo só me incomodava quando meu amado pai permanecia um longos minutos até perder o seu último aviãozinho ou bater o carro de corrida.

Read more about Here comes a new challenger!